HomeEconomia

🔶Ibovespa tem mínima do ano, com fiscal, Lula e Haddad, após juros e inflação nos EUA

🔶Ibovespa tem mínima do ano, com fiscal, Lula e Haddad, após juros e inflação nos EUA

Banco Central dos EUA (Fed) projeta, agora, apenas 1 corte de 25 pontos-base da taxa de juros americana em 2024 O Ibovespa terminou com baixa ampl

🔶Quadros de artistas parintinenses vão para escritório do presidente do BID nos EUA
🔶Veja perfis citados em decisões de Moraes divulgadas por deputados dos EUA
🔶Brasileiro foragido nos EUA invade casa e troca tiros com morador

Banco Central dos EUA (Fed) projeta, agora, apenas 1 corte de 25 pontos-base da taxa de juros americana em 2024

O Ibovespa terminou com baixa ampla de 1,40%, aos 119.936,02 pontos, uma perda de 1.699,04 pontos, no menor patamar desde 10 de novembro de 2023 – e lá se vão 8 meses. O dólar comercial encerrou o dia com outra forte alta, com 0,86%, a R$ 5,40.

A volatilidade do Ibovespa refletiu uma série de eventos tumultuados ao longo do dia. Iniciando com dados econômicos mistos, como o crescimento do setor de serviços no Brasil e a estabilidade da inflação nos EUA, o mercado inicialmente encontrou alívio.

No entanto, as declarações do ex-presidente Lula sobre o déficit público e discordâncias internas no governo sobre políticas fiscais geraram preocupações entre os investidores, afetando negativamente a confiança.

Adicionalmente, a decisão do Federal Reserve dos EUA de manter a taxa de juros e sinalizar apenas um possível corte neste ano decepcionou as expectativas do mercado, contribuindo para o clima de incerteza e pressão nas negociações.

Este cenário tumultuado foi agravado pela oscilação das bolsas americanas, com o Dow Jones mostrando volatilidade enquanto o S&P 500 e o Nasdaq mantiveram-se em alta, destacando a complexidade do ambiente econômico global.

Fonte: Infomoney

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0