Coluna 11 de @daniilo_amoriim Tema: Entenda o que é a tecnologia 5G e sua adesão pelo Brasil.

Mais lidas
Gabriel
CEO do Foco no Fato. Engenheiro Civil, pós graduado em Pavimentação de Estradas e Rodovias e realizando um MBA em Gestão Empresarial pela FGV.

O 5G é a quinta geração da tecnologia que permite o acesso à internet por meio de dispositivos móveis, principalmente celulares. A diferença entre uma tecnologia de rede móvel e uma rede Wi-Fi?
O Wi-Fi utiliza um roteador para decodificar as ondas de sinais recebidas e transferi-las para aparelhos que estejam próximos e conectados.


Já o serviço de rede móveis funciona com ondas comuns, como as do rádio e da TV, de forma mais otimizada diretamente no aparelho em questão. A rede trabalha a partir da distribuição de sinais por pequenas regiões, chamadas “cédulas”. Teoricamente, esses sinais permitem conexão em alta velocidade para mais de um milhão de pessoas por metro quadrado.

O que muda?
O 5G está sendo tratado como uma grande novidade no mundo tecnológico por trazer uma série de melhorias significativas para a conexão móvel. O primeiro ponto é o aumento da velocidade do serviço. Estima-se que a velocidade da banda larga alcançada pelo 5G seja até 20 vezes maior que a tecnologia anterior. Para se ter uma noção, a velocidade média do 4G é 45 Mps (megabit por segundo), já a proposta do 5G é alcançar facilmente 1 Gbs (gigabit por segundo), em até dez vezes menos tempo de resposta que o 4G normalmente teria.


Em testes realizados na internet, os altos números de velocidade de navegação e download surpreendem os usuários, chegando a mais de 1,5 Gbs.
O que isso significa na prática? Baixar um filme inteiro em alta qualidade em minutos; transmissão de vídeo em qualidade 4K; conversar em vídeo chamadas sem travamentos ou imagem pixelada; nunca mais ter que ficar esperando uma página carregar por mais de um segundo.


Mas, claro, as mudanças não se limitam apenas ao usuário médio. O grande ponto de mudança do 5G é a possibilidade de não apenas utilizar as redes móveis no celular, mas em absolutamente todos os aparelhos conectados à internet. O objetivo é que o 5G acabe com todo e qualquer tipo de delay, ou seja o tempo de demora entre um comando e uma ação. Com isso, a utilização de carros autônomos, procedimentos médicos feitos à distância, o uso de drones e até mesmo a distribuição de eletricidade será possível através da rede de dados.


A proposta da nova tecnologia é substituir serviços de internet por fio e redes Wi-Fi. E isso só é possível por sua mudança na faixa de frequência, de 3,5 GHz (Gigahertz) para até 26 GHz. A tecnologia 5G precisa de grandes estruturas para funcionar, que vai desde a utilização de cabos de fibra ótica como padrão até datacenters.


Está disponível no Brasil? Todos podem usar?
A questão é polêmica. As operadoras divulgam e oferecem o serviço 5G, mas o leilão que irá decidir os caminhos que a tecnologia terá no Brasil será apenas em 2021. O que as empresas de internet têm feito até agora é utilizar o 5G DDS (Dynamic Sprectum Share, ou Compartilhamento Dinâmico de Espectro) – que nada mais é do que oferecer o 5G utilizando a estrutura já estabelecida no país para a rede 4G.


Este é o motivo para especialistas afirmarem que o 5G DDS ser um “falso 5G”. A vantagem do 5G DDS é que ele necessita de apenas uma atualização no software para funcionar nas antenas das gerações anteriores de redes móveis. A desvantagem é a velocidade não se comparar aos números prometidos pelo 5G. A velocidade se assemelha mais ao 4,5G, velocidade oferecida em algumas operadoras.


E o 5G no Brasil?
O presidente Jair Bolsonaro disse que a decisão final ainda não foi tomada e que a implementação da tecnologia no Brasil depende exclusivamente dele. “Vou deixar bem claro, quem vai decidir 5G sou eu. Não é terceiro, ninguém dando palpite por aí, não. Eu vou decidir o 5G” disse o presidente em uma de suas transmissões ao vivo nas redes sociais, em setembro.


O leilão para saber o futuro da implementação da tecnologia no Brasil será o maior leilão de radiofrequências já realizado no país e o maior para a tecnologia de quinta geração no mundo todo. Especialistas afirmam que a tecnologia trará inúmeras vantagens ao país.

Publicidadespot_img

1 COMENTÁRIO

  1. Falta, neste reportagem, informar o maior motivo do qual os países bálticos e alguns da Europa, não permitem o 5G depois dos testes em neuros sensitivos. É um crime esconder isso.
    Coitado do meu país, vendido e vencido(quase)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_img
Últimas notícias

🔶 Ex-guerrilheiro Gustavo Petro assume na Colômbia e propõe paz a grupos armados e o fim da guerra às drogas

O ex-guerrilheiro e ex-senador Gustavo Petro tomou posse neste domingo (7) como o primeiro presidente de esquerda da história...
Publicidadespot_img

More Articles Like This

Publicidadespot_img