FIM DE UMA ERA: Espanha aprova lei que promete acabar com os carros à gasolina até 2040. Seguindo a tendência de outros países europeus e da Califórnia nos EUA

Mais lidas
Gabriel
CEO do Foco no Fato. Engenheiro Civil, pós graduado em Pavimentação de Estradas e Rodovias e realizando um MBA em Gestão Empresarial pela FGV.

Nessa última quinta-feira (8) a câmara do deputados espanhola aprovou a  Ley de Cambio Climático y Transición Energética que estipula metas para redução na emissão de gases do efeito estufa. Agora o projeto de lei espera a aprovação ou inclusão de modificações pela parte da câmara dos senadores, prevista para começo de maio.


De acordo, com o jornal El País. A Espanha estabelece sua 1ª lei específica que trata sobre mudanças climáticas. Tendo como escopo a redução da emissão de gases do efeito estufas em 23%; a ampliação do uso de energias renováveis para 42% (Sendo 20% atualmente) e ter um sistema elétrico cuja geração seja 74% a partir de energias renováveis (hoje, essa porcentagem é cerca de 40%).


O projeto de lei tem medidas ativas como a obrigação de postos de combustíveis a disponibilizarem ponto de recargas para carros elétricos; edifícios residenciais com mais de 20 andares devem contar com estruturas de recarga a partir de 2023  e a proibição da comercialização de novos carros movidos a combustíveis fósseis a partir de 2040.


Seguindo a tendência de países como Reino Unido que anunciaram a pretensão de zerar a emissão de gases do efeito estufa até 2050 e proibindo o comércio de novos carros a gasolina e diesel a partir de 2030. Também como a Alemanha que promete investir € (EUR) 5 bilhões na indústria automobilística para superar a crise causada pelo covid-19 e investir na transição para veículos elétricos. Assim como o estado da Califórnia nos EUA que decidiu combater a crise climática banindo a venda de carros novos movidos a combustíveis fósseis até 2035.


A Espanha e o mundo demonstra a crescente preocupação com a degradação do meio ambiente e seus reflexos no clima e na qualidade de vida humana. Voltando finalmente os olhos para as políticas que sugerem um desenvolvimento sustentável com geração de energia limpa,  redução da emissão de gases do efeito estufa, reutilização e melhor aproveitamento dos recurso renováveis e não renováveis para que assim seja garantida a vida para as próximas gerações.

Publicidadespot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_img
Últimas notícias

🔶 “Somos especialistas em entregar resultados”, afirma coronel Menezes em entrevista à TV Record”

Candidato ao Senado pelo PL destacou sua atuação exitosa na área empresarial e no Exército e afirmou ser um...
Publicidadespot_img

More Articles Like This

Publicidadespot_img