SKATE BRASIL

Mais lidas
Julio Gadelha
Secretário da Redação e Analista Profissional de Marketing formado pelo Uninorte-AM

Brasil tem dobradinha nos EUA e definição de vagas olímpicas. Pâmela Rosa e Rayssa Leal encabeçam pódio da modalidade street no Dew Tour.

A dobradinha das skatistas Pâmela Rosa e Rayssa Leal no pódio feminino do street (praticado em obstáculos de rua, como escadarias ou corrimões), no último domingo (23), encerrou a participação brasileira no Dew Tour. O evento realizado em Des Moines, no estado de Iowa (Estados Unidos) valeu pontos para o ranking que define os classificados da modalidade à Olimpíada de Tóquio (Japão).

Número um do mundo no street feminino, Pâmela foi a campeã, com Rayssa, vice-líder do ranking mundial, na segunda posição. Roos Zwetsloot, dos Países Baixos, completou o pódio, que quase foi 100% verde e amarelo. Quarta colocada na lista da World Skate (federação internacional da modalidade), Letícia Bufoni terminou o Dew Tour em quarto.

No street masculino, o único brasileiro presente na final foi Felipe Gustavo (16º do mundo), que finalizou a disputa em sexto lugar. A vitória foi do norte-americano Nyjah Huston, líder do ranking da World Skate, com o japonês Yuto Horigome (segundo) e o francês Aurelien Giraud (terceiro) também compondo o pódio.

A competição nos Estados Unidos foi a penúltima do estilo antes de Tóquio. O ranking de classificação olímpica será fechado depois do Mundial de street, que ocorre entre os dias 31 de maio e 6 de junho, em Roma (Itália). Classificam-se para os Jogos os 20 atletas mais bem colocados no ranking mundial, limitados a três por país. No momento, o street do Brasil seria representado por Pâmela Rosa, Rayssa Leal e Letícia Bufoni entre as mulheres e Kelvin Hoefler (quinto do mundo), Felipe Gustavo e Giovanni Viana (17º) entre os homens.

No park (disputa em que a pista tem formato similar a de uma piscina, com paredes e elementos de rua), o Dew Tour foi o último evento valendo pontos no ranking olímpico, já que o Mundial do estilo, que ocorreria entre 14 e 20 de junho, foi cancelado devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19). Com isso, o torneio definiu os skatistas que vão para Tóquio.

No sábado (22), apesar de não avançarem na semifinal, Dora Varella (nona do mundo), Isadora Pacheco (11ª) e Yndiara Asp (14ª) se garantiram na Olimpíada como as brasileiras mais bem colocadas entre as 20 melhores do estilo. No mesmo dia, embora também não tenham ido à final, Pedro Barros (quarto do ranking mundial) e Pedro Quintas (nono) se juntaram à Luiz Francisco (terceiro) entre os classificados olímpicos do park no masculino. Luizinho havia sido o primeiro atleta do skate nacional a ter vaga assegurada nos Jogos.

Fonte: Agência Brasil

Publicidadespot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_img
Últimas notícias

🔶 Saiba quem são os vencedores dos Prêmios Literários Cidade de Manaus

Com 876 inscritos, os Prêmios Literários Cidade de Manaus premiaram nove participantes. Entre eles, Ricardo Lima da Silva que...
Publicidadespot_img

More Articles Like This

Publicidadespot_img