NOVA VARIANTE: OMS afirma que a variante Delta, não a Ômicron, é o principal problema da Europa.

Mais lidas
Julio Cesar
Redator e Designer do Foco no Fato. Profissional de Marketing formado pelo Uninorte-AM.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse nesta terça-feira (7) que, embora a variante Ômicron esteja “à vista e em ascensão”, é a variante Delta que é o problema na região no momento.

A fala é do diretor regional da OMS para a Europa, Hans Kluge, em entrevista coletiva durante a apresentação, que se concentrou nos dados da Europa e da Ásia Central relacionados ao coronavírus.

“No entanto, se tivermos sucesso contra a Delta hoje é uma vitória sobre a Ômicron amanhã”, disse Kluge, acrescentando: “Estamos no negócio de estabilizar uma pandemia e isso significa não uma variante de cada vez, mas todas as variantes de uma vez. “

Ele ressaltou que não está claro ainda se a variante Ômicron é mais transmissível ou causa doenças mais ou menos graves.
“Ainda não se sabe como e se a última variante, Ômicron, da Covid-19 será mais transmissível ou mais ou menos grave”,

Houve alguns sinais positivos vindos da África do Sul, onde a variante Ômicron é responsável pela maioria das novas infecções por coronavírus.

Os médicos relataram que os casos causados pela nova variante são geralmente leves, embora tenham alertado que ainda ainda são os primeiros dias e as avaliações são limitadas.

Fonte: CNN Brasil

Publicidadespot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidadespot_img
Últimas notícias

ORIGEM ESTRANHA: 78% do faturamento de empresa que contratou Moro veio de alvos da Lava Jato.

Empresa que contratou Sergio Moro (Podemos) após o ex-juiz deixar o Ministério da Justiça em 2020, a Alvarez &...
Publicidadespot_img

More Articles Like This

Publicidadespot_img